novembro 13, 2006

Um pouco de história no Parque Guinle

Posted in Entertainment, Entrada Franca, Rio de Janeiro, RJ, Turismo às 6:20 pm por popturismo

parque.jpg

   Considerado pelo RioTur como uma atração turística do Rio de Janeiro, o Parque Guinle, para a visitante Marilena, 29 anos, moradora do Cosme Velho, é mais um parque como outros existentes na cidade: “Não acho que o parque é um ponto turístico. É um tipo de parque encontrado em qualquer lugar do Rio”. Para ela seria uma atração turística se tivessem animais, um zoológico, como a Quinta da Boa Vista.
   Tombado pelo seu interesse paisagístico, histórico e cultural, o Parque Guinle, localizado em Laranjeiras, na rua Gago Coutinho, é cercado pelo primeiro conjunto de prédios residenciais construído para a elite carioca. Os edifícios projetado sobre pilotis por Lucio Costa na década de 50 e influenciado pela arquitetura moderna foi um prenúncio das superquadras de Brasília. O jardim projetado pelo paisagista francês Cochet, sendo, mais tarde modificado por Burle Marx, integrava a antiga propriedade de Eduardo Guinle. Hoje conhecido como Palácio das Laranjeiras, residência oficial da governadora do Estado.
   Situado no pequeno vale do morro Nova Cintra, o parque tem uma extensa área verde, com córregos e lagos artificiais. A primeira visão que se tem dele é a do portão de ferro sustentado por duas colunas e duas estatuas de leão alado. A paz, a tranqüilidade e a segurança do lugar são convidativas. O visitante encontra uma área para as crianças, com brinquedos, como balanço,  gangorra e cama elástica.

Endereço: Rua Gago Coutinho, 66 e Rua Paulo César de Andrade, 70 e 106 – Laranjeiras

parque1.jpg parque2.jpg

Matéria: Débora Rolim
Fotos: Divulgação e Nathalia Bernardes 

Anúncios

3 Comentários »

  1. joão luiz said,

    tive uma esperiencia de laranjeiras por 6 anos na general mariantes; conheci ilustres moradores como o saudoso haroldo de andrade e a familia chindler; foi um dos poucos momentos mais feliz de minha vida; la tive o priviléjio de amar verdadeiramente; e de sofrer com a morte prematura de uma tambem ilustre moradora deste encantador bairro; hoje se pudesse trocar copacabana por laranjeiras não isitaria em me mudar; laranjeiras; o bairro mais cimpático do rio.

  2. Cici said,

    esse lugar lindo e com belas histórias também fez parte da minha adolescencia. Época muito feliz. Fico nostálgica e morro de saudades . Cheia de energia, sonhos e namorados, a paisagem do local me inspirava no romantismo… e como era gostoso namorar por lá com o cheirinho da terra e a tranquilidade que existia naquela época . O parque Guinle fez alguns cenários maravilhosos da minha vida ! O Parque Lage também. Os dois parques são lindos.Hoje moro fora do Rio de Janeiro e morro de saudades .

  3. Ligia Peron said,

    Realmente,o parque ginle e um cartao postal
    do bairro de laranjeiras.Tenho orgulho de morar
    neste lindo bairro.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: